A dois

ESTOCOLMO

ESTOCOLMO

Capital e maior cidade da Suécia, Estocolmo é formada por 14 ilhas, separadas por 53 pontes. Calma, com pouquíssimo trânsito, limpa e muito segura a capital pode parecer parada, mas conta com ótimas atrações para todas as idades. Viajamos em casal mas ficamos espantados com a quantidade de coisas para fazer com as crianças (você que é pai/mãe entende a sensação de viajar sem filhos e lembrar deles em todos os momentos, né?).

Referência em design, arquitetura clássica com toque minimalista e moda, a cidade tem enumeras opções de restaurantes, museus, galerias e parques.  Importante: leve um cartão de crédito/débito, a maioria dos lugares não aceita dinheiro e dizem que a idéia, para um futuro próximo, será retirar as notas de circulação, garantindo mais segurança e preservando o meio ambiente.

DIA 1

Ficamos hospedados no Hotel Diplomat, o edificio é uma verdadeira obra da arquitetura clássica e sua construção foi concluída em 1911. O Hotel conta com um restaurante refinado, um bar mais descolado frequentado por muita gente bonita, vista linda para o Mar Báltico e uma cafeteria aberta ao público no estilo armazém, onde você pode comprar produtos orgânicos ou simplesmente tomar seu café da manhã/brunch por um preço mais acessível e com ótima estrutura. Amamos!

Fachada do Hotel Diplomat.

O café que nós montamos no “armazém” do hotel.

Andamos pela região e visitamos a Firma Svenskt Tenn, uma loja de móveis bem legal, super serve para se inspirar no design e decor Escandinavo (nosso favorito).

Mix de estampas para a decoração.

Vintage com pegada moderninha.

Seguimos pelas charmosas ruazinhas da cidade e a avenida principal Birger Jarlsgatan onde estão a maioria das marcas de luxo, principais fast fashion suecas e internacionais. Pausa para um almoço no Vau de Ville, ao lado da praça das cerejeiras. Peçam o Tuna Tartare com avocado e macadâmia, melhor da vida!

Avenida Birger Jarlsgatan.

Partimos em direção ao nosso hotel para descansar um pouco e nos prepararmos pro jantar no restaurante Ekstedt (leiam os detalhes desse lugar nas dicas de restaurante em Estocolmo, imperdível!).

DIA 2

Acordamos, tomamos nosso café da manhã no hotel e seguimos pro dia de turismo. Nossa guia brasileira, Gisele do @viajarpelaeuropa, que mora em Estocolmo há 8 anos e conhece tudo sobre a cidade, curiosidades e história local, foi super atenciosa e nos levou aos principais pontos da capital. O tour foi feito a pé e durou cerca de seis horas, com pausa pro almoço num restaurante super agradável e com uma vista linda pra cidade.

Anotem aí os locais que visitamos, já podem servir pra quem vier conhecer Estocolmo e tiver apenas um dia na capital:

TEATRO DA CIDADE

Dramaten é o nome do teatro nacional da Suécia. Situado em um edifício de estilo Art Noveau, são exibidas cerca de 1.000 obras teatrais ao ano. Além disso, ao longo de sua história o teatro serviu de escola para algumas atrizes mundialmente famosas.

Atualmente, além de poder assistir a uma peça teatral, é possível fazer uma visita guiada pelas instalações.

KUNGSTRÄDGÅRDEN (JARDIM DO REI)

Querem ver cerejeiras? Esse é o local! Um dos parques mais populares e fotografados da cidade, na região central de Estocolmo.

O florescimento das cerejeiras começa na primavera, porém quanto mais longo for o inverno, mais tempo irá demorar para elas aparecerem. Os primeiros botões surgem no início de abril, mas eles só abrem completamente no final de abril e início de maio. O parque é lindo mas não estava tão florido quanto imaginávamos.

Além de ver as cerejeiras de perto é possível assistir a pequenos shows que acontecem por lá.

PARLAMENTO

Conhecido como Riksdag, foi construído entre 1897 a 1905 e projetado em estilo neoclássico. Hoje em dia está dividido em duas alas. A ala leste é a casa original do Parlamento, enquanto a ala oeste costumava ser a sede do Banco Nacional.

Parlamento.

Essa é a casa do Primeiro Ministro da Suécia, bem assim, sem grades e portões, ele simplesmente atravessa a rua e vai andando para o trabalho.

Arredores do Parlamento e Palácio Real.

PALÁCIO REAL

O palácio é enorme mas aberto parcialmente ao público. Mesmo assim, são três módulos de visitas, um deles no subsolo onde pudemos ver as antigas carruagens, largas colunas (estruturalmente projetadas para proteger do frio) e arcos de sustentação do local.

Na saída acompanhamos a troca da guarda e nossa guia nos contou um pouco da história da monarquia sueca, desde os tempos antigos até os dias atuais.

Troca da guarda.

No subsolo do Palácio Real (preservado como nos tempos antigos).

 

GAMLA STAN

O verdadeiro centro histórico de Estocolmo e sua concentração de casinhas medievais espalhadas pelas ruelas de pedra. Muitos cafés, restaurantes, mercados e lojinhas, onde se pode comprar todo tipo de souvenir do país.

IGREJA LUTERANA

Construída em meados do século XII e local onde estão sepultados os monarcas Suecos.

SÖDERMALM

O bairro descolado e mais bohemio de Estocolmo. Muitos restaurantes, brechós, lojas de designers independentes e outras tentações rs. Vimos muita gente estilosa por ali, adorei!

O “mood” suéco: comprar sua comida, sentar em qualquer canto e curtir o tempo bom.

Street style.

Fiquei só observando esse pai subindo a ladeira com os dois filhos na bike.

MUSEU VASA

O Vasa Museum é um dos locais mais visitados de Estocolmo. A atração do museu é o navio Vasa. A embarcação foi construída na primeira metade do século 17 e afundou em sua primeira expedição. Anos mais tarde foi encontrado submerso com a maioria das peças e estrutura intactas, devido as baixas temperaturas do mar Báltico, que contribuíram para a preservação do navio. Equipes do museu estão a todo tempo trabalhando em sua preservação, e é possível acompanhar de perto detalhes do trabalho minucioso feito por eles.

Para crianças o museu possui uma parte interativa bem legal. Vale a visita!

O navio é muito maior do que a foto mostra. Pra se ter ideia, o museu foi construído em volta dele.

FOTOGRAFISKA COM JANTAR

Localizado num prédio de estilo industrial, dividido em três andares, conta com diferentes exposições de artistas iniciantes a renomados, e você ainda pode se inscrever para cursos de fotografia.

O museu foi o meu favorito na cidade, no último andar tem um restaurante com uma vista surpreendente, onde encerramos o nosso dia curtindo o pôr do Sol com comida boa (sim, nessa época o sol se põe lá pelas 9:00pm).

Dica: a loja na saída do museu tem muitas fotografias de artistas iniciantes à venda, guias da cidade e livros legais pra comprar, não passe batido pela lojinha!

Entrada do museu.

Loja do museu.

DIA 3

Acordamos e seguimos para o Skansen Museum, sem dúvida uma atração imperdível pra crianças! Como adultos, visitamos a vila dentro do museu e já foi o suficiente hehe. De lá partimos para um passeio pela região rumo ao restaurante Den Gyldene Freden, desde 1722.

SKANSEN

O museu a céu aberto mais antigo do mundo. Casas originais de 1890 foram transportadas pro local formando uma vila antiga. É possível ver de perto como eram as construções da época e como as pessoas viviam naquele periodo. O museu ainda conta com um parque e zoológico.

As casa da época.

Parque para as crianças.

O antigo armazém de uma das casas.

Restaurante desde 1722.

*Durante os passeios pela região….

Pros amantes da moda e design, visitem:

SVARTVITA RUM

Os interiores Escandinavos são conhecidos por serem elegantes e minimalistas, usam branco e preto para criar uma decoração deslumbrante e dramática. Na Svartvita Rum, você vai encontrar uma escala de tons de cinza em objetos que vão desde roupa de cama à jóias e produtos de beleza a utensílios de cozinha.

APLACE

Aplace era uma revista fashion e exposição comercial antes de se transformar em uma loja em 2007. Hoje existem várias dela pela cidade, mas a localizada em Norrlandsgatan é a mais central. É um ótimo lugar para compra de roupas, acessórios, roupas para crianças, sapatos, e obejetos de interiores das mais interessantes marcas Escandinavas.

DIA 4

Hora de voltar pros meus pequenos, pelo tanto de atrações kids mencionadas por aqui, vocês podem imaginar que estávamos com saudades deles e sim, queremos voltar em família!!!

Aliás, seguem dicas para eles e toda a família;

2 ótimos museus para crianças:

TEKNISKA MUSEET

O Museu Nacional de Ciência e Tecnologia em Gärdet é um ótimo lugar para os pequenos gênios curiosos. As exibições fazem os visitantes explorarem e descobrirem como tudo se junta. A sessão MegaMind é especialmente popular para crianças menores. Dê uma olhada no parquinho matemático que fica ao lado de fora e o restaurante colorido.

POSTMUSEUM

Mandar cartas e cartões postais dá um sentimento “old-fashion” nessa era digital. Tenha a oportunidade de mostrar para as crianças como era a comunicação antes dos smartphones levando-os ao “Little Post Office” no “Stockholm’s Postmuseum”. Lá você eles poderão fazer os próprios cartões postais, colocar o selo, e coloca-los na caixa de correios e brincar de carteiro, pegando uma carta e a entregando ao destino.

Atividades em família:

BOUNCE

As crianças quase sempre pulam de alegria quando descobrem que estão indo para o Bounce. Criado em Melbourne em 2012, Bounce em Estocolmo é a maior arena de adrenalina, incluindo um parque com trampolim, quadras de queimada e uma área de parkour. Até as crianças com mais energia ficarão cansadas depois dessa visita.

KLÄTTERCENTRET

Suas crianças sobem pelas paredes? Então levá-las a um lugar em que elas podem usar suas habilidades é uma boa ideia. Esse lugar tem um espaço destinado à escalada indoor para crianças e adultos. Uma atividade física, divertida e desafiadora para todos!

DICAS DE RESTAURANTES EM ESTOCOLMO

EKSTEDT $$$$

Cozinha tradicional, comida preparada em fogo aberto. Muitos prêmios foram juntados desde sua abertura em 2011. Muitas das técnicas usadas no preparo da comida, eram utilizadas antes da eletricidade ser inventada. Sem fogões elétricos, só calor, fumaça, cinzas e fogo.

Foi uma experiência e tanto jantar nesse local, nossa mesa era no balcão do chefe e além de visitar a cozinha, pudemos ver de perto a preparação dos pratos.

GASTROLOGIK: $$$$

Esse é um restaurante fino que leva a cozinha Nórdica bem a sério. O menu surpreendente e inovador estilo de cozinhar é inspirado em ingredientes que são únicos para o clima, água e terra da Suécia. O minimalista e elegante interior transforma o restaurante em um elegante local para seus pratos maravilhosos.

DEN GYLDENE FREDEN: $$$

Essa taverna única de 1722 deu boas vindas a muitos poetas. escritores e compositores famosos nacionalmente. Em 1900, o artista Anders Zorn comprou a casa para salvar o restaurante de ser demolido. Mais tarde ele deixou o imóvel para a Academia Suéca, que se reune toda quinta-feira à noite para o jantar semanal.

Escolhemos o tradicional prato de almôndegas suecas 😍.

FOTOGRAFISKA: $$$

No topo do museu de fotografia, você pode aproveitar uma linda vista em um ótimo restaurante com vista panorâmica de Estocolmo. Os pratos são criados com base em vegetais e são uma excelente opção vegana!

Pedi de entrada: Carpaccio de beterrabas e para o prato principal tagliatelle com fake truffle.

HIMLEN: $$/$$$

No 26º andar do “Skrapan” você vai encontrar uma das melhores vistas de Estocolmo e uma ótima culinário francesa/suéca.

Boa pedida para almoço ou cocktail no fim do dia.

CURIOSIDADES

Suécia é uma monarquia com sistema parlamentar de governo e uma das mais antigas do mundo com tradições milenares. A linha de sucessão ao trono sueco é por primogenitura igual, ou seja, o filho mais velho independente do sexo sempre terá a prioridade em assumir o posto de rei/rainha. Em questões religiosas observamos que o país mantém sua política de igualdade de gênero. O maior posto de liderança na igreja do país é ocupado por uma mulher.

Até o próximo destino!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *